ALFABETO FONÉTICO DO TURISMO E HOTELARIA

No Turismo, de Segue abaixo o alfabeto fonético do turismo: forma geral, a comunicação é um fator determinante dentro do processo da venda do serviço, pois o cliente tem à sua disposição uma infinidade de empresas do mesmo segmento, e com certeza escolherá aquela que lhe prestar o atendimento mais rápido, claro, objetivo e atencioso, atrelando fatores como localidade e preço.

acolhendo ao telefone

O item mais acentuado no processo de comunicação: é a clareza das informações e dados fornecidos. Estes devem ser transmitidos de forma que ambos tenham certeza de que o outro realmente entendeu corretamente através de sua mensagem e de
que nada ficou somente subtendido. Para isso, foi criada uma forma diferente de soletração do alfabeto, que é usada mundialmente em quase todos os segmentos do Turismo, como agências de viagens, hotéis, empresas de transportes aéreos, entre outros.

Portanto, para atuarmos no turismo é imprescindível que conheçamos
o alfabeto fonético do turismo e hotelaria, pois este facilita a comunicação entre as pessoas, e minimiza os erros quando da escrita de nomes em bilhetes aéreos, reservas de hotel, dentre outras vantagens e finalidades.

A: Alfa                   N: November
B: Bravo / Beta     O: Oscar
C: Charlie             P: Papa
D: Delta                Q: Quebec
E: Eco                  R: Romeu
F: Fox                   S: Sierra
G: Golf                  T: Tango
H: Hotel                U: Uniform / União
I: India                   V: Victor
J: Juliet                 W: Whisky
K: Kilo                   X: Xadrez
L: Lima                  Y: Yanke
M: Mike                  Z: Zulu

Anúncios

Sustentabilidade Hoteleira

Daniel Miranda

A sustentabilidade deixou de ser moda e passou a fazer parte do DNA de grandes empresas. E na hotelaria não poderia ser diferente. A logística reversa ou LR pode ser uma ferramenta a ser utilizada na busca de uma solução para problemas com resíduos gerados, bem como sua destinação para reaproveitamento ou reciclagem.

“Os fatores que mais motivam as empresas a se tornarem sustentáveis são: a sensibilidade ecológica, competitividade empresarial e a diferenciação da imagem corporativa” disse Hilton Gonzaga, proprietário da H2G Consultoria Ambiental.

Hotéis que implantaram programas de gestão ambiental, conseguem economia de até 30% em energia elétrica, 20% no consumo de água, 25% na geração de RSU (resíduos sólidos urbanos) e 15% no consumo de gás.

O Fluxo de LR reintegra materiais que podem retornar ao fluxo direto tradicional de
suprimentos, produção e distribuição. Os materiais que resultam
do fluxo reverso podem ser revendidos, recondicionados, retornar ao fornecedor,
reciclados ou serem descartados totalmente.

A natureza e a sociedade agradecem.

o-desafio-da-sustentabilidade

Contato de olhar

Daniel Miranda

Você gosta de conversar com alguém que não te olha nos olhos? Que fica olhando para um lado, para o outro, mas nunca pra você? E aquela pessoa que fica olhando fixamente para você sem piscar? É muito importante fazer sempre contato de olhar e sorriso quando estiver interagindo com os hóspedes ou clientes. Aqui vão algumas dicas de como interagir através do contato de olhar.

check in

É muito importante saber exatamente para onde olhar quando interagindo com o hóspede. Estudos psicológicos comprovam que olhar fixa e diretamente nos olhos da outra pessoa causa desconforto por ser normalmente uma ação ligada a repressão. Um exemplo de que a pessoa com quem você está falando está incomodada é quando ela começa a piscar os olhos e evita olhar diretamente nos seus olhos, age como se fosse uma indicação para que a pessoa que está falando faça o mesmo.

Evitar de olhar para a pessoa também é negativo, independente das diferenças culturais do hóspede, dá-se a impressão de que a pessoa que está ouvindo não participa da conversa e ainda pior que ela não é considerada importante para a comunicação/mensagem em questão.

Quando falamos de contato de olhar, a cultura japonesa merece um cuidado especial. Sempre que atendemos um hóspede de origem japonesa nunca devemos manter o contato de olhar durante toda a interação. Sempre olhar para o ponto entre as duas sobrancelhas  conhecido como “terceiro olho”e desviar o olhar para outro objeto. Fazer isso com frequência durante todo o atendimento para que o hóspede não se sinta ofendido.

A Arte da Hotelaria

Daniel Miranda

A palavra hospitalidade significa o ato de hospedar, a qualidade de ser hospitaleiro e, por extensão, o acolhimento afetuoso. Hospitalidade, enfim, pode ser definida como a arte do bem receber.

tourism-and-hospitality

Com o passar do tempo a hospitalidade, até então ligada à indústria hoteleira, passou a estar presente em qualquer negócio que envolva o atendimento ao público, tornando-se um guarda-chuva para toda indústria de serviço.

Seus princípios, o acolhimento e a fidelização de clientes, acabaram sendo estendidos para companhias aéreas, cruzeiros marítimos, restaurantes, laboratórios de análises clínicas, hospitais, bancos, farmácias e, é claro, shopping centers.

Para entender na prática o que é hospitalidade e mostrar a importância no acolhimento do cliente eu vou dividir com você a minha experiência pessoal.

Quando comecei a fazer a faculdade de hotelaria precisei conseguir um emprego para pagar as mensalidades e para minhas despesas pessoais.

Fui trabalhar em uma loja de roupas num grande shopping do Rio de Janeiro. Logo nos primeiros meses minha comissão de vendas era duas a três vezes maior do que a dos outros vendedores. Mas por que isso acontecia, se eles trabalhavam no mesmo turno do que eu? Na mesma loja? Vendendo os mesmos produtos? A resposta era bem simples.

Na faculdade de hotelaria eu aprendi o que é hospitalidade, a acolher o cliente e a transformar toda interação em um momento único, a sorrir, a ter postura e uma atitude positiva, a usar a minha comunicação de forma eficaz, deixando o cliente sempre à vontade, além de técnicas de venda que me faziam ir sempre além do que o cliente me pedia.

Afinal, o que o cliente prefere? Alguém que simplesmente traga o produto ou um prato que ele escolheu ou alguém que transforme uma compra, um jantar ou uma viagem de avião em um momento especial?

A origem da palavra “Hospitalidade”

Charles Lang

“Hospitalidade” provém do latino hospitalitate, para designar o ato de hospedar; hospedagem; a qualidade de hospitaleiro e, por extensão, o acolhimento afetuoso. Antigamente, a palavrahóspede tinha o duplo sentido de quem hospeda e de quem é hospedado. Hoje só significa a pessoa hospedada, aquela que recebe hospitalidade, que é recebida na casa de alguém, acolhida.Hóspede provém do latino hospes e era a pessoa que se aloja temporariamente em casa alheia, visitante; hospite era o senhor do estrangeiro, do hospitem, do propriamente estrangeiro, da pessoa que vem de outra terra. Hospitalidade, como derivando do latino hospitalitas é o ato de hospedar, de acolher afetuosamente, e de hospitatem, a qualidade, a disposição acolhedora de quem oferece hospedagem, de quem bem recebe hóspede.

postura (2)