O novo point de Londres

O empresário Andre Balazs é o idealizador de hotéis e restaurantes que se tornaram points de grandes estilistas, modelos, personalidades do cinema e da TV. Dentre eles o Chateau Marmont em Hollywood e o Boom Boom Room no último andar do The Standard em New York. 

A fórmula para seduzir seres pouco acessíveis e que raramente frequentam lugares muito cheios deve-se, em parte, à garantia de que por ali não existe tietagem ou pedintes de autógrafos. Eles sabem que podem beber, se divertir e ficar à vontade. O segredo? A seleção que começa pela lista de reservas.

Suas casas também atraem porque são inovadoras, têm personalidade e são sedutoras. Não dá pra subir no elevador do The Standard de New York sem embarcar na viagem hipnotizante da vídeoarte de Marco Brambilla projetada nas paredes.

São lugares incomuns para pessoas pouco comuns. 

Depois de tanto sucesso nos EUA, Andre Balazs atravessou o Atlântico e abriu há dois meses em Londres o Chiltern Firehouse. Resultado? Sucesso absoluto.

O lindo prédio de um antigo corpo de bombeiros de 1888 em Marylebone deu lugar a um badaladíssimo restaurante e um exclusivo hotel boutique com 20 apartamentos. Todos muito chiques e dramaticamente decorados. Basta apertar um único botão de um antigo telefone de disco que fica sobre a mesinha de cabeceira para chamar a recepção, a lavanderia ou o mordomo. A escrivaninha, comum a todo hotel, deu lugar a uma mesa oval de jantar com sofá firme e alto, onde trabalha-se e come-se ao mesmo tempo. Luxo simplificado.

Os bombeiros se foram e hoje esse é o lugar mais concorrido na cidade. 

Londrinos se referem ao Chiltern Firehouse como ‘the place to be seen’ – o lugar para ser visto, ou ainda, ‘the hottest place to be in the world today’ – o lugar mais badalado para se estar no mundo hoje. E não é exagero. O lugar não tem site e fazer reserva sem conhecer ‘alguém’ não é tarefa fácil. O boca-a-boca dos clientes já garante lotação máxima diária.

A lista das celebridades habitués do novo restaurante, que por sinal é muito descontraído, passa por Bill Clinton, David Beckham e Gerard Butler. Kate Moss e Cara Delevigne batem ponto por ali. Basta olhar ao redor e todos os rostos são conhecidos. 

A cozinha é um show e comer no balcão é o que há de melhor. O cardápio é simples, com comidas descomplicadas e porções pequenas para compartilhar.  Nota 10 para o polvo grelhado com rabanete e cogumelos, para o aged beef rebeye com tomates e chimichurri e para as asas de frango crocantes com ovo preparado à baixa temperatura e pistache. Receitas assinadas pelo chef Nuno Mendes.

Depois das 23hs, o lobby do hotel esquenta mais que tudo, mas é só para hóspedes.

O ambiente do lobby com um bar central chiquérrimo nada tem a ver com o do restaurante. Assim como as suítes, ali impera um toque vitoriano, teatral e com detalhes domésticos. Sim, domésticos, pois parece que você está na casa de algum amigo de muito bom gosto. Como sempre, tudo muito sedutor: almofadas, tecidos, luz e mobiliário. 

O serviço do restaurante foi um show! Preciso, simpático, descontraído e atento. 

O serviço do hotel está a cargo de um cara que entende tudo de hotelaria de luxo: Guillaume Marly, ex-The Connaught e Ritz London. 

Diárias começam em 480 Libras, subindo para 780, 900 e 1100 conforme os aposentos escolhidos. No restaurante conte com cerca de 100 Libras por pessoa. 


O restaurante do Chiltern Firehouse se tornou o mais badalado de Londres

Fotos de Divulgação

Anúncios

O despertar de Angola

Depois de navegar pelas águas das Bahamas, México e América do Norte a bordo de um dos maiores navios do mundo, recebo um convite para desbravar aquela que aspira e promete ser a grande “Dubai” africana próspera com diamantes, ouro, gás natural, urânio, ferro, uma imensa e diversa riqueza em madeira, fauna e o desejado do mundo inteiro, o petróleo…

E vencido o grande desafio burocrático de conseguir um contrato de trabalho e um visto angolano, hoje lhes dou as boas-vindas da capital angolana, Luanda! Depois de mais de três décadas de guerra colonial e depois uma vasta guerra civil, Angola hoje está virando uma máquina de consumo imediato e está aberta a vários mercados.

epic-sana-luanda-2

Venho para integrar o quadro de um dos hotéis mais importantes do país e venho muito animado e feliz com a possibilidade a mim oferecida, pois tenho a chance de conhecer em raiz a irmã do Brasil e em plena ascensão politica e econômica. Nos últimos cinco anos Angola registou um rápido crescimento de 18% ao ano, passando a ser considerada  uma das mais dinâmicas economias do mundo. Angola apresenta dois tipos de clima bastante marcados durante o ano, que é o do verão, onde temos temperaturas altíssimas, e a época mais característica chamada pelos nativos de CACIMBO, onde um intenso nevoeiro cai sobre praticamente toda a capital do país. Com frutas típicas de qualquer paraíso natural, peixes frescos recém-pescados do mar pelas mãos hábeis de pescadores locais e uma culinária exótica, considero Angola um dos melhores lugares que visitei na vida com um povo simples e mais que amigo. Depois de perceber, entender e aceitar que serei eu quem veio para aprender com essa gente que tem muito a ensinar, quero unir forças e tentar contribuir com uma pequena parcela de minhas experiências e ofícios hoteleiros na reconstrução desta cidade com tudo para progredir. Por agora, não há um vinho que vale tanto quanto tenho aprendido com essa vivência, não há um Champagne que se compare à beleza de ver dificuldades tão grandes vencidas com tanta força de vontade e sorriso no rosto. Hoje para mim brindar e harmonizar também podem ser de outra maneira, a africana, e especificamente a angolana, que se reflete num brinde de olhos expressivos e a perfeita harmonia da beleza rústica de pessoas simples que tem alegria vinda do não sei onde, do além, do coração!

Até breve, David Chaves Saraiva.

Concierge Virtual

mobileCheckIn_enRouteTaxi

GuestDriven é uma startup de Montreal que inventa jeitos tecnológicos de estreitar a relação hotel-hóspede. A empresa canadense acaba de criar para o hotel The James Royal Palm de Miami o James Pocket Assistant, um aplicativo mobile que funciona como um concierge virtual. O que você pode fazer? Reservas de quartos, restaurantes e Spa, check in, check out, pedidos de room service, compra de entradas, entre outras praticidades. O Yotel e o Soho Grand, em NY, o Loden Hotel de Vancouver e o Hyatt Regency são alguns outros hotéis que encomendaram apps by GuestDriven. A empresa também fornece aos gerentes de mais de 100 propriedades do mundo informações sobre seus clientes, incluindo histórico, poder de compra e hábitos de consumo. Assim os hotéis podem enviar diretamente para os celulares e tablets dos hóspedes benefícios e dicas personalizadas.

 

Baby Spa

Baby-Massage-Holistic-Parenting

Um spa só para bebês é a grande novidade do Iberostar Praia do Forte. O resort baiano resolveu estender aos pequenos os mimos que os adultos já recebem em seu Spa Sensations. Crianças de seis meses a três anos ganham massagens, hidratação e banhos especiais de enfermeiras como cortesia cada vez que os pais adquirem o pacote Day Spa do hotel. Os tratamentos infantis prometem melhorar a circulação sanguínea e garantir um sono mais tranquilo.

Externa_IPF.7

Muro de Berlim vira amenity de hotel

MauerpickenimTheWestinGrandHotelBerlin

Tem hotel que mima os hóspedes com sabonetes e shampoos de grife. Outros mandam de presente guloseimas especiais preparadas pelo chef. Já no The Westin Grand Berlin a coisa é um pouco diferente. Quem reservar duas noites do novo pacote do hotel ganha… um pedaço do muro de Berlim! É isso aí. Para comemorar os 25 anos da queda do muro, o Westin Grand da capital alemã dá a cada hóspede uma marreta para tirar a sua casquinha do que restou do histórico paredão bem em frente ao lindo prédio na Friedrichstrasse. Além de levar pra casa o precioso suvenir com direito a foto e certificado de autenticidade, o hóspede ganha uma taça de champagne e tem passe livre para o “Emotion Spa” do Westin. Os preços do pacote “Tear Down the Wall” começam em 342 euros.

Fachada do hotel

Fachada do hotel

Emotion Spa

Emotion Spa